7min. de leitura

Uma vida com propósito! Descobrindo seus dons e talentos…

Uma vida com propósito elevado é uma vida que segue o plano divino do universo.

Mas, como é definida a sua vida? A maneira como enxergamos as coisas, influenciará em como você planeja seu tempo, seu dinheiro, seus talentos e como valoriza seus relacionamentos.


Tomemos, como exemplo que a nossa vida na terra é somente um momento temporal e que não devemos, nos apegar a nada e simplesmente precisamos focar na orientação dos nossos atos, para que ocorra um crescimento interno, que nos guiará para nosso propósito mais elevado.

Viemos ao mundo com um propósito e é desejável que exploremos ao máximo o que o criador nos tem dado.

Não temos que nos preocupar com habilidades que não possuímos, mas sim, focar e utilizar os talentos que temos inatos em nosso interior. Qualquer dom ou talento que temos, devemos colocá-lo a serviço de toda a humanidade.

Quando iniciamos algo utilizando a habilidade que não possuímos, é como colocar dentro de cubo um círculo: será frustrante e o resultado caso ocorra será medíocre. Também será uma perda de tempo enorme e puro desperdício de energia e do talento em si que não foi utilizado. A melhor forma de viver a vida é servindo a humanidade utilizando os dons e talentos, para o qual deve descobrir, aceitá-lo e desfrutá-lo, de modo que possa desenvolver a sua máxima expressão.


Descobrindo os seus dons e talentos inatos:

Não deixe que mais um dia se vá, comece a descobrir quais são os seus talentos e coloque luz para saber para qual motivo você foi criado. Você já perguntou-se?

Desenvolva seus dons e talentos, considere para o que você é bom e também para o que não é. Pergunte a si mesmo se esse dom ou talento contribui para o que, em sua vida e na vida de outras pessoas, realize-o com vontade, porque deverá ser a sua paixão. Tenha pensamentos bons com relação ás suas capacidades, faça uma lista, pergunte as outras pessoas se necessário quais habilidades, dons ou talentos reconhecem em você. Os dons espirituais e as habilidades naturais são sempre confirmados por outras pessoas.


A melhor forma de descobrir seus dons e singularidades é colocando a prova e experimentando-os nas diferentes áreas de sua vida. Até que você não consiga ter algo palpável, não saberá para o que você é realmente bom. Tenho certa que você tem muitos dons e habilidades escondidos em seu interior e não faz ideia que possui de fato, porque você nunca os colocou a prova, por medo ou insegurança. Conheço inúmeras pessoas que têm descoberto talentos escondidos com seus plenos 60 – 70 anos.

Não tente encontrar seus dons sem saber se eles servem para algo. Descubra seus dons dedicando-se ao trabalho. Tente ensinar, dirigir, organizar, tocar um instrumento, liderar, palestrar, escrever, fazendo algum esporte ou mesmo dedicando-se a crianças ou idosos. Nunca saberá para o que você é bom, até que você tente. Caso não funcione, chamará de experimento (tentativa-erro), não será um fracasso. Com o tempo descobrirá para o que é verdadeiramente bom de fato. Faça uma introspecção meditativa cuidadosa, pergunte-se: “- O que eu gosto verdadeiramente de fazer e o desfruto completamente, deixando-me feliz? ” “-O que me faz sentir completamente vivo? ” “- O que é que quando eu realizo, me faz perder completamente a noção do tempo? “ “-O que é mais fácil para mim, trabalhar em equipe ou sozinho? ”. Quando descobrir os dons e os talentos que recebeu em vida, permita que eles cresçam e se desenvolvam: exercite-os. Ninguém tem o dom completamente desenvolvido, é necessário estudar e aprofundar neles, exercitando-os, esforçando-se ao máximo para consiga executá-lo com mais assertividade. Assim descobrirá que ama o que faz, porque o realiza com coração.

As pessoas bem-sucedidas, o são porque colocam paixão em seus projetos, seja qual for o objetivo que tenham em mente, as pessoas apaixonadas não recuam diante do primeiro impedimento, ou diante do segundo, terceiro; seguem sempre a diante buscando superá-los.

Você poderia sentir paixão ao colocar a serviço dos demais, os seus dons e talentos? Será que você é capaz de convertê-los em projetos e sonhos? Você precisa sentir a paixão dentro; no coração. Existem duas perguntas muito importantes que deve fazer a si mesmo: “-Quem eu sou? ”, “-O que amo? ”

Quando identificar-se nesses questionamentos internos, estes abordarão você para seus propósitos mais elevados, e estarão no caminho de viver uma vida com propósito.

Sua paixão deve converter-se em sua maneira de viver, será o seu estilo de vida.  Sua paixão fará um desenho de sua própria vida. Conheci um teólogo e filósofo em um dia de palestra a comunidade carente, que me disse essa sábia frase: “Existem dois dias que são extraordinários na vida do homem: o dia que se nasce e quando descobrimos porque nascemos” E isso é o propósito e a paixão, a missão. As pessoas que não seguem a sua paixão têm uma vida medíocre, sem significado e deixam-se levar pelo passar dos dias.

Convido a todos para que descubram o seu potencial, quais são os seus dons, talentos e habilidades. Sonhem com eles, coloque-os a serviço dos demais e viverão uma vida com paixão, amor e propósito: O seu desenho de vida é você quem faz. Você tem o poder em mãos de transformar a sua realidade e de outras pessoas.

Quando você entender que é você quem escreve o seu próprio roteiro, promoverá a conexão exata para fluir com a vida e a viverá proporcionalmente.

__________

Direitos autorais da imagem de capa: alenkasm / 123RF Imagens





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.