publicidade

Às vezes você tem que virar cinzas para poder renascer, virar fênix e alçar voos altos…

Às vezes você tem que virar fênix e alçar voos altos…

Sabe quando a raiva queima dentro de você? Sabe quando você se desfaz em lágrimas?



Quando a tristeza te consome e a esperança se despede, vai embora e você acha que nunca mais irá vê-la de novo? 

Às vezes você tem que atear fogo em si mesmo, virar cinzas, para poder renascer, virar fênix e fazer voos altos; porque às vezes a gente sofre, a gente chora, às vezes a gente cai, mas quando levantamos, viramos pássaro de fogo, destemido e capaz de enfrentar qualquer desafio e ultrapassar qualquer obstáculo. 

Quando as chamas te consumirem, entregue-se e se prepare para o renascimento, volte com penas douradas e brilhantes e diga para o mundo que labaredas machucam, mas não te assustam mais. 


Lembre-se de que a Fênix, quando volta, torna-se ainda mais bonita do que um dia já foi. 

Porque a dor ensina, o sofrimento dignifica, as brasas da alma faz-nos imortais e a nossa força vem à tona. 

Porque a verdadeira beleza é saber ser quem você precisa ser, mas nunca deixar de crescer, aprender e evoluir. 

As dores mais profundas são as que te transformam em um gigante que mata dragões e vence as guerras mais difíceis! 


Então queime, sangre, chore, mas ressuscite.

_____________

Direitos autorais da imagem de capa: refluo / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.