Notícias

Viaduto despenca com trem do metrô e deixa dezenas de mortos e feridos na Cidade do México

Estima-se que ao menos, 23 pessoas morreram e outras 79 ficaram feridas. O resgate foi suspenso devido ao risco de desabamento do restante do viaduto



Um terrível acidente aconteceu na Cidade do México, onde vagões de um metrô descarrilaram e despencaram depois que um viaduto desabou na capital mexicana. A prefeitura do local informou que ao menos, 23 pessoas eram vítimas fatais. Outras 79 ficaram feridas.

Há crianças entre as vítimas e 7 feridos foram considerados de caso grave, de acordo com a prefeita Claudia Sheinbaum. O acidente aconteceu por volta de 22h30 do horário local.

Conforme informado pelo G1, a estrutura do viaduto e dois vagões desabaram sobre veículos que circulavam na avenida. Algumas pessoas que estavam nos vagões conseguiram sair por conta própria e uma pessoa saiu com vida de um carro que foi esmagado pelos escombros.


Socorristas e bombeiros trabalharam incansavelmente durante a madrugada para que passageiros fossem retirados dos escombros, mas o resgate precisou ser interrompido devido ao risco de mais desabamento. Guindastes estavam no local para que o trabalho fosse retomado.

Segundo a prefeitura, o que ocasionou o acidente foi a ruptura de uma viga da estrutura, que cedeu, mas ainda acontecerá mais investigações. Familiares buscam pelos desaparecidos. Muitos utilizavam o metrô para o trabalho e quando o acidente aconteceu, dezenas de familiares ficaram desesperados.

Gisela Rioja foi até ao local procurar por seu marido Miguel Espinoza, já que ele não chegou em casa e não atendeu o telefone. Costumava pegar o metrô para ir trabalhar. Adrián Martínez disse que seu meio-irmão e cunhada estavam num carro que foi atingido pela estrutura. Ela foi internada em um hospital, mas seu marido está entre os escombros.

Alguns livramentos também aconteceram. José Martínez disse que geralmente pega o trem, mas escapou do acidente porque não conseguiu embarcar há tempo. Disse que salvo por 15 minutos. É o segundo acidente na capital mexicana esse ano. Em janeiros um incêndio ocorreu nas instalações do controle do metrô que deixou uma vítima fatal e 29 intoxicadas.


Após o acidente, ex-prefeito se manifestou e disse em rede social que o que aconteceu foi uma tragédia horrível e que as causas deveriam ser melhor investigadas e os responsáveis identificados. Falou que estava à disposição das autoridades para contribuir no que fosse preciso.

Diretora de escola perde o controle e espanca aluna de 6 anos que teria danificado computador

Artigo Anterior

Jovem armado com facão invade creche em Santa Catarina e mata crianças e funcionárias

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.