3min. de leitura

A VIDA NÃO ESPERA, ELA TEM PRESSA… JOGUE FORA OS MEDOS E AS INCERTEZAS!

Simples assim…


A vida não espera, ela tem pressa, mas não é qualquer correria desenfreada de ir e vir, mas o convite de observar os detalhes, que existem por apenas um momento, se estiver com a alma aberta para percebê-los. Toda desatenção é uma perda de oportunidade e ainda que eventos similares possam ocorrer, nunca serão como o instante que passou.

E assim, a vida passa por nós, e enquanto, nos ocupamos de preocupações, não vemos o mundo ao redor. Não vivemos em um cenário, tudo ao redor é vida, é vivo…

Desde um feixe de luz que transpassa as folhas farfalhantes de uma árvore à cada pessoa com seu jeito, características e olhares únicos de ser.


De um passarinho que pousa por alguns segundos ao seu lado à nuvem que se desenha no céu sobre você.

Aquela chuva que nos pega desprevenidos à notícia inesperada que nos tira o chão.

Recebermos algo que esperávamos muito à mudar a rota que costumávamos fazer.


Cada prédio e casa pelo caminho com suas inúmeras janelas vivas ao encanto do sorriso de uma criança ou o balançar da cauda de um bicho de estimação.

Sentir aquele “friozinho” na barriga à rodar até cair!

Fazer careta no espelho, não se levando tão a sério a dizer que amamos quem por estar sempre ao lado deixamos de admitir.

Esquecer o tempo propositadamente e cantar (mesmo mal) só para se divertir.

Se sujar todo de tinta ou ouvir uma música e suspirar.

Essa é a realidade, as coisas que se sustentam dentro de nós… E embora sejam as que perdurem, tomamos elas por intervalos e brevidades. Felicidade não é um fim, mas o caminho percorrido.

Quem perde os detalhes da vida, perde a si mesmo dentro dela. A pior morte não é a do corpo, mas a da alma que habita dentro dele. Alimentamos e sustentamos o cavalo, sem nos preocupar com o cavaleiro que monta. Sonhe mais, ria mais, acredite mais, aceite mais… Tire tudo que é “menos” de si, tudo que foi negado, e que por isso mesmo, não deveria ficar.

Jogue fora os medos, as incertezas, as hipóteses e as dúvidas… Decida estar presente em sua história!

Olhe tudo que lhe espera ao redor e se não enxergar nada, feche os olhos e tente novamente…





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.