Comportamento

Vitória: Austrália devolve floresta mais antiga do mundo aos aborígenes!

4 capa site Vitoria Australia devolve floresta mais antiga do mundo aos aborigenes

Os parques nacionais australianos foram devolvidos à população nativa, o povo Kuku Yalanji Oriental, em um acordo anunciado pelo governo de Queensland.



Quatro parques australianos foram devolvidos aos seus proprietários originais, os aborígenes Kuku Yalanji Oriental, em um histórico acordo anunciado pelo governo de Queensland, ao qual muitos assistiram boquiabertos.

É a primeira vez que terras desse porte são devolvidas à população nativa, envolvendo acordos oficiais e reconhecimento mundial.

Em uma área de mais de 160 mil hectares no norte de Queensland, o governo vai devolver a floresta tropical mais antiga do mundo, Daintree, o Parque Nacional Cedar Bay (Ngalba Bulal), Parque Black Mountain (Kalkajaka) e as Ilhas Hope. Segundo reportagem da BBC, antes que as terras sejam entregues totalmente, governo e a população nativa vão administrar as terras em conjunto.


Quem acha que o acordo aconteceu de maneira inesperada, engana-se! O povo oriental Kuku Yalanji já tinha sido reconhecido como proprietário tradicional da terra em 2007, numa região que se estende do norte de Port Douglas até o sul de Cooktown. Todos reconhecem que a população nativa é mais qualificada para manter a natureza e a estrutura da região conservadas.

O acordo foi assinado no fim de setembro deste ano, pela ministra do meio ambiente Meaghan Scanlon, pelo ministro das parcerias com os aborígenes e as ilhas do Estreito de Torres, Craig Crawford, e representantes do povo Kuku Yalanji, em Bloomfield, região norte de Wujal Wujal. Scanlon afirmou que a cultura desse povo originário é uma das mais antigas do mundo e que o acordo reconhece seu direito de possuir e administrar a região.

Protegendo sua cultura e sua região, o povo Kuku Yalanji pode escolher compartilhar com visitantes, já que eles vão decidir tudo que envolve o local. A ministra ainda explicou que os parques nacionais vão proteger a cultura aborígene, além de diferentes ecossistemas, como florestas tropicais, bosques, pântanos e manguezais.

Além disso, as ilhas integram oficialmente a Área do Trópico Úmido do Patrimônio Mundial e são reconhecidas como o segundo local mais insubstituível do Patrimônio Mundial da Terra. O Conselho de Conservação local reconhece que a floresta de Daintree tem relevância global inimaginável e que apenas os povos originários sabem como cuidar do local efetivamente.


O porta-voz do conselho Andrew Piccone disse que devolver os parques aos aborígenes é a única e melhor maneira de proteger os valores culturais e naturais da área. O acordo encerrou quatro anos de negociações de terras em que conselhos municipais pediam para administrar o local em conjunto com o povo Kuku Yalanji Oriental.

Por fim, tanto o conselho de terras de Cape York quanto de North Queensland e Wet Tropics apoiaram a decisão governamental. A ministra do meio ambiente ainda explicou que o principal desejo da atual gestão é estabelecer uma base capaz de fornecer caminhos e oportunidades de mentoria para pessoas extremamente confiantes e competentes.

Ela acredita que esse é o caminho para que a população nativa preencha, no futuro, cargos em uma ampla gama de profissões, como terra e gestão marítima, turismo e até mesmo pesquisa. É desejo dos Kuku Yalanji administrar exclusivamente a terra, um local que muitos estimam ter mais de 180 milhões de anos, que atrai turistas do mundo inteiro, compartilhando história e hospitalidade.

De acordo com o Rainforest Rescue, uma organização australiana sem fins lucrativos, Daintree é o lar de 30% das espécies de marsupiais da Austrália e 20% de suas espécies de répteis. Na semana anterior ao acordo, o governo de Queensland também restaurou o nome do popular destino turístico Fraser Island para seu nome tradicional K’Gari.


Diga quantos elefantes existem na imagem e revelaremos a sua porcentagem de ganância!

Artigo Anterior

Menino com microcefalia, que sofreu bullying por causa de sua aparência, dá a volta por cima

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.