Pessoas inspiradoras

Viúvo de 82 anos, flagrado vendendo balas em dia frio, comove web e recebe remédios e alimentos!

A cena do idoso trabalhando no frio para conseguir se manter tocou o coração de muita gente  e ele recebeu uma ajuda especial. Confira!



Em nosso dia a dia, podemos ver cenas bastante comoventes de pessoas que se esforçam para vencer as dificuldades, mas algumas delas tocam os nossos corações e nos motivam a fazer algo em seu favor, por menor que seja.

No começo deste mês, uma mulher chamada Karoline Pereira compartilhou uma cena tocante que viu numa rua da cidade de São Vicente, litoral de São Paulo. Ela enviou o seu relato para a página do Facebook “Viver em Santos e região”, que dividiu a história com seus seguidores.

Karoline conta que viu um idoso vendendo doces em um semáforo. Não era a primeira vez que ele saía às ruas para vender seus produtos. Segundo ela, o senhor, que se chama Gelson Martins e tem 82 anos, fica no semáforo todos os dias, às 7h da manhã, e que ele está sempre bem vestido e é muito bem educado.


Direitos autorais: reprodução Facebook/Viver em Santos e região.

A mulher disse que ele anda bem devagar e que vê-lo trabalhando entre os carros corta o seu coração. Em conversa com o idoso, Karoline descobriu que ele é aposentado, mas recebe muito pouco, porque o benefício ao qual tem direito não foi liberado e ele precisa de um advogado para resolver a sua situação. Sr. Gelson é viúvo e mora sozinho. Ele revelou que seu fogão está em estado ruim, mas tinha esperança de comprar um melhor.

O idoso decidiu vender balas na rua para comprar os três remédios de uso diário de que necessita. Ao final da mensagem, Karoline disse estar sensibilizada e pediu ajuda para doar-lhe roupas de frio, máscara, alimento ou até mesmo dinheiro para ele comprar os seus remédios.

A publicação fez muito sucesso e grande número de pessoas se ofereceu para ajudá-la. Entre elas, Mari Fernandes, que também enviou um relato para a página para contar o gesto de generosidade que fez para o idoso, com colaboração de outras pessoas.


Direitos autorais: reprodução Facebook/Viver em Santos e região.

A jovem se uniu a outras pessoas que seguem a página e algumas amigas, e conseguiu um fogão para Sr. Gelson. Também arrecadaram um valor em dinheiro, que foi usado para comprar alimentos, agasalhos, travesseiro e remédios para o senhor.

Mari disse que o idoso ficou bastante surpreso com o retorno positivo que recebeu depois da primeira publicação sobre sua história e demonstrou muita gratidão pelos atos de solidariedade.

A jovem ainda disse que “o pouco para nós pode ser muito para quem precisa” e que gostaria de ajudar ainda mais o Sr. Gelson. Também agradeceu a todos os que prestaram ajuda para que pudessem levar esperança ao senhor. Um gesto tocante que, com toda certeza, trouxe muito amor e alegria para o coração do Sr. Gelson. Torcemos para que ele continue sendo ajudado!


Aos 54 anos e bem resolvida, Cláudia Raia fala sobre o peso da idade: “A sociedade te exclui”

Artigo Anterior

De empacotador a dono: filho de agricultores batalha e se torna proprietário de 51 franquias de supermercados

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.