publicidade

Viva com quem ama, como se fosse a última despedida…

Um dia, talvez e bem provavelmente, poderemos reencontrar aqueles familiares a quem tanto amamos no Planeta Terra, mas como dar-se-ia esse encontro?

Não familiar realidade será vivida ao lado de familiar tão familiar a nós! Novo mundo, novas sensações, nova forma de vida, de viver, novos objetivos, talvez imensamente mais grandiosos do que aqueles que vivenciamos na prisão de carne.



Pergunta-se: e se esse familiar pudesse passar um dia com você, neste planeta material? Imagine a intensidade do encontro, das emoções, quando passado, presente e futuro tornar-se-ão um só tempo parado no tempo.

Se estivesse você diante do seu familiar querido, o que diria a ele? Como você o trataria? Com certeza, como se não houvesse amanhã e amanhã não haverá!

O futuro não cabe ser vivido no presente!

No trem da vida, rumo aos encontros, reencontros e às novas despedidas, passamos por diversas estações, por diversos momentos, por diversas pessoas, umas que surgem e não mais aparecem, outras que aparecem e jamais desaparecem.

O trem que nos leva ao nosso destino, às pessoas que nos amam verdadeiramente, às pessoas que fingem nos amar; às pessoas que serão a nossa salvação e àquelas que nos levarão à eterna perdição!


À medida em que seguimos nas estações da vida, aprendemos que despedidas doem; doem, pois não sabemos se veremos as pessoas que tanto amamos e, se a veremos, poderá levar anos e mais anos torturantes e não sabemos como será o reencontro tão esperado.

Assim, viva o presente, no tempo presente; jamais no passado ou no futuro!


Eternize o tempo ao lado do quem ama, agora! Nem antes ou depois! Viva com quem ama, como se fosse a última despedida.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo:123RF /Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.