Você é o que você come, o que pensa e o que ouve

4min. de leitura

A mesma regra serve para o que você come, fala e sente.



Nada é mais contraditório do que a frase acima. Como assim, eu sou o que como, ouço e penso? Sim, você é isso mesmo!

Muitas pessoas passam a vida sem perceber o que está acontecendo ao seu redor, passam a maior parte do tempo reclamando. Reclamam do tempo, do vizinho, da comida, do cachorro, do cachorro do vizinho, da tia, da vó, da irmã, da colega do trabalho, e assim por diante. Reclamar demais muda o sistema imunológico.

Muitos acreditam que os cinco sentidos (visão, audição, tato, olfato e paladar) são simplesmente para poder conviver em sociedade normalmente, sem nenhuma restrição, mas o que não sabem é que nossas células também têm esses sentidos, e é isso o que nos define.


Quando você vê algo ruim, como uma tragédia na televisão, por exemplo, você entra num estado de tensão e medo. Ou seja, sua visão enviou para o cérebro um sinal de alerta, que este, por sua vez, cumpre a missão de distribuir para as células do corpo que algo errado está acontecendo. Então, você fica em alerta, e à noite, quando for dormir, bingo!, não consegue dormir. Entra num estado de insônia que pode perdurar por dias ou até semanas. E você fica se perguntando: o que será que aconteceu, por que não consegue dormir?

Então, você foi o que você viu, não precisou participar da tragédia, simplesmente a viu pela televisão.

Quando você ouve algo ruim, também entra no mesmo estado de alerta acima e vai se formando o ciclo da insônia, e a insônia gera uma série de disfunções, como ansiedade, depressão, medo, angústia, e assim por diante, conforme você vai alimentando essas notícias.

Eu sei que há determinadas situações em que não podemos controlar nossas emoções diante de tal notícia, mas podemos filtrar o que vemos, o que ouvimos, isso nos livra de ter doenças ocasionadas por ouvir coisas desnecessárias.


A mesma regra serve para o que você come, fala e sente.

Sabemos que, se comermos além do que precisamos, vamos engordar e prejudicar nossa saúde. Sabemos também que, se falarmos coisas ofensivas, também vamos nos prejudicar, porque teremos a reação do outro, de raiva, que vai nos atingir ferozmente. Então você foi o que você falou.

A lei da reciprocidade é clara, perfeita como a natureza que se abre bela para o sol e murcha para a sombra. É bela, quando regada com água, e morre, quando se joga veneno nela.

Então, perceba o que de fato acontece ao seu redor, use os cinco sentidos a seu favor.

Não passe o seu tempo fazendo coisas que todo mundo faz, só porque agrada aos olhos do outro, faça coisas que agradem aos seus olhos. Veja coisas que lhe agradem, que lhe tragam paz, harmonia. Fale menos e ouça mais, você correrá menos riscos.

 

Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: Dragan Grkic/123RF Imagens.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

* Matéria atualizada em 05/02/2020 às 2:46






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.