ColunistasComportamentoReflexão

Você já surpreendeu a vida hoje?

Eu sempre acreditei um pouco naquela frase de que o mundo era de quem acordava cedo. Até que um dia eu li que o mundo é de quem acorda feliz, meio assim, com uma reserva de dopamina guardada para ser usada já desde cedo, que deprime a tristeza e a deixa de escanteio.



A vida não é só uma reserva de dopamina, tão conhecida como a molécula da motivação, da recompensa e do prazer. A vida é um fazer de coisas para que possamos nos sentir bem. Isto inclui deixar o outro bem também. Já pensou que a vida gosta de ser surpreendida?

Prestar atenção nos detalhes, saber lidar com situações pequenas que incomodam sem se desgastar com elas, trocar um ingrediente da receita, por exemplo, se não puder ir comprá-lo no momento.

Surpreenda1


Mudar as atitudes. Transformar o que parece chato e difícil em algo simples. Olhar para uma pessoa que te enfrenta e te testa sem receio. Tolerar o desconforto emocional. Fácil não é, mas possível, sem dúvidas.

Comer uma bela lasanha e não pensar que aquelas calorias vão acabar com a dieta de uma semana. Sem arrependimento e desespero. Não sair do sério todos os dias por causa do trânsito ou da chuva fora de hora.

A vida é de repente, chata, repetitiva, cheia de procrastinação e sem muitos episódios interessantes pela frente. Porém, é a vida. Vamos levando como desavisados de que tudo pode acontecer, até o que esperávamos.

Enquanto isso, poderíamos continuar a surpreendê-la. Reclamar menos, atrasar menos, enrolar menos, encarar as decepções com menos dor. Fazer mais com menos. Surpreender a vida talvez seja não esperar tanto dela.


Quem sabe, criar estratégias para enfrentar alguns desafios diários. Ou agir de improviso mesmo. Buscar algumas saídas para o “se tudo der errado”. É trocar os pensamentos negativos, instalados e acomodados na mente por memes positivos.

Surpreenda

Você já se pegou sorrindo quando coisas deram certo, quando fez o que antes pouco fazia, ou quando teve atitudes que mudaram todo o curso de uma situação? Pois é, você não mudou ninguém. Não fez por ninguém. Você alterou os seus padrões. Surpreender a vida não é mudar o mundo, é usar este verbo transitivo direto para pegar-se de surpresa enquanto o mundo muda.


A família que pratica junto a lei da atração:

Artigo Anterior

Desconfie de quem nunca sai do sério!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.