Você merece ser mais do que apenas o “quase” de alguém.

5min. de leitura

Você merece mais do que ser “quase” feliz. Mais do que um “quase” relacionamento. Mais do que alguém “quase” apaixonado.

Nossa geração é teimosa. Não é difícil olhar ao redor e ver como gostamos de brigar e manter firme as coisas que queremos.



Não gostamos de desistir. Nós não gostamos de ver as coisas como fora do nosso alcance, mesmo que elas estejam a milhares de quilômetros.

Então, tentamos ser flexíveis. Nós apresentamos novos métodos e soluções para nos aproximarmos um pouco do que queremos.

Nós tendemos a fazer isso com mais frequência, quando se trata de nossos relacionamentos.


É fácil notar que criamos diferentes tipos de rótulos para satisfazer as necessidades. Temos encontros de uma noite e conexões. Temos relacionamentos casuais e relacionamentos sérios.

Nós, sem esforço, apresentamos novos nomes para diferentes categorias com base em nossos interesses e desejos – e, de certa forma, talvez isso seja percebido como mais fácil. Afinal, como podemos comunicar o que queremos para alguém, se não temos um tipo de nome para ele, certo?

Quando você sabe exatamente o que deseja, é necessário que isso seja conhecido pela pessoa por quem você se interessa, para evitar qualquer confusão.


Mas, e quando o que você quer e o que o outro quer não é claro… mas você o quer de qualquer maneira?

Você começa a comprometer-se. Você não se encaixa nos moldes que inventou.

“Quase”é apenas mais uma palavra para “incerteza”, e quase nunca é tão próxima quanto você acha que é.

Eu sei que parece que é quase melhor do que nada, porque está tão perto. É tentador acreditar que alguns momentos perfeitos no meio do silêncio e falta de comunicação são melhores do que nada. Mas, honestamente, não são, mesmo que pareça assim.

Todos os dias você está desgastando seu coração, porque tudo o que quer é que a pessoa te abrace e lhe diga que você é exatamente o que ela quer, mas ela não tem esse desejo.

“Quase” nunca é bom o suficiente, porque é uma narrativa silenciosa dizendo: “Você nunca é bom o suficiente”.

É um lembrete consistente de que você é tão bom quanto o que dá quando está com ela, mas você não vale mais do que algumas lembranças fugazes que desaparecerão muito cedo. É uma lembrança de que você pode ser maravilhoso, mas que algumas pessoas, simplesmente, querem algo diferente. Independentemente de quanto você se comprometa, algumas pessoas não vão comprometer-se com você – elas não precisam fazê-lo, já que  você está fazendo todo o esforço e tomando decisões que não beneficiam a nenhum de vocês.

Porque você não é um tipo de pessoa casual e ela não está em busca de um relacionamento sério. E fingir que vocês acham normal  tratarem-se como “quase’s” e se verem como peões que só precisam mover alguns espaços antes de converterem um desejo sincero pelo outro, é dolorosamente injusto.

Você merece alguém que esteja na mesma página e que possa dar-lhe totalmente o que deseja, sem restrições e hesitações.

Se algo sério e real é o que você deseja, então você precisa parar de se apegar a essa “quase pessoa” e permitir-se uma chance de encontrar o que o fará feliz.

Porque você merece mais do que ser “quase” feliz. Mais do que um “quase” relacionamento. Mais do que alguém “quase” apaixonado.

Você merece ter todas essas coisas, na maior extensão de seu coração.

____

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: Thought Catalog

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.