publicidade

Você procura agradar as pessoas com quem se relaciona e esquece de si mesmo(a)?

Já deu continuidade a algo que sabe que não está fazendo bem, mas não tem coragem de colocar um ponto final por medo de magoar as pessoas a sua volta?



Ou então acaba aceitando tudo em uma relação apenas para agradar o outro? Você costuma abrir mão de coisas que são realmente importantes para você apenas para não ter que entrar em conflitos ou discutir a relação?

Caso as respostas sejam afirmativas, você já parou para pensar que está amando demais ao outro e muito pouco a você?

Estar em qualquer tipo de relação onde as suas necessidades não podem ser demonstradas é um ato de agressividade com você mesma.


Em algum momento tudo o que você vem negligenciando irá despertar e quando isso acontecer não será mais possível fingir que tudo está bem, ou então que toda responsabilidade é apenas sua. Uma hora o seu verdadeiro EU vai gritar e não terá mais como calá-lo.

Não espere chegar ao limite para tomar as atitudes que você sabe que precisa tomar, mas que acredita não ter coragem para definitivamente fazer.

Aprenda a se amar, a ter respeito por você e a deixar cada um seguir o seu caminho. Você é capaz de dedicar a mesma atenção que dispensa aos outros para si?  Desafie-se nos próximos vinte e um dias:


  • Dizer mais nãos
  • Encerrar relacionamentos abusivos
  • Realizar as suas vontades
  • Colocar as suas opiniões
  • Fazer um passeio sozinha
  • Comprar um presente para você
  • Escolher um filme que você queira assistir
  • Lutar por uma opinião
  • Tomar posse da sua vida

Ame-se. Você merece e nasceu para ser feliz. E quem ama você verdadeiramente vai compreender.

Com carinho

Marina Cervini

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.