Comportamento

Will Smith revela que uma vez já considerou matar seu pai para “vingar” abusos sofridos pela mãe

3 capa site Will Smith revela que uma vez ja considerou matar seu pai para vingar abusos sofridos pela mae

Em seu livro de memórias, Will Smith fala das dificuldades que enfrentou por presenciar a violência doméstica que sua mãe sofreu durante o relacionamento dos dois.



O artigo 5º da Lei Maria da Penha classifica a violência doméstica e familiar contra a mulher como “qualquer ação ou omissão baseada no gênero que lhe cause morte, lesão, sofrimento físico, sexual ou psicológico e dano moral ou patrimonial”. Mesmo com políticas públicas e leis que tentam coibir a violência, os danos continuam sendo praticados contra as mulheres do mundo inteiro.

De acordo com dados do Fórum Brasileiro de Segurança Pública e do Instituto de Pesquisa Datafolha, uma em cada quatro mulheres acima de 16 anos afirma ter sofrido algum tipo de violência ou agressão nos últimos 12 meses, durante a pandemia de covid-19. É o mesmo que dizer que 17 milhões de mulheres sofreram abusos físicos, psicológicos ou sexuais no último ano.

São dados recentes, mas sabemos que a violência doméstica e familiar acompanha as linhas da história no mundo inteiro, vitimando principalmente mulheres, alvos fáceis quando a estrutura as desvaloriza. Quem não conhece uma história ou mesmo já presenciou algum tipo de abuso desse tipo? Durante muito tempo, era perfeitamente aceitável ver uma mulher apanhar de seu companheiro, sendo inclusive parte da cultura de inúmeros países.


Mas a violência deixa marcas em todos os envolvidos, principalmente nas mulheres e crianças que fazem parte do círculo de agressão. A revista People publicou nesta semana trechos exclusivos das memórias do ator, rapper e produtor Will Smith, que abriu o jogo sobre os impactos da violência doméstica em sua vida pessoal e carreira profissional.

As passagens fazem parte do livro “Will”, que logo no início aborda a complexa relação que ele tinha com seu pai William Carroll Smith Sênior. Ao mesmo tempo que ele era violento, também participava ativamente da vida dos quatro filhos, indo a todos os jogos e recitais. Mesmo sendo alcoólatra, o ator conta que ele sempre apareceu sóbrio em todas as estreias de filmes e visitou todos os estúdios.

3 2 Will Smith revela que uma vez ja considerou matar seu pai para vingar abusos sofridos pela mae

Direitos autorais: reprodução Instagram/@willsmith.

Quando Will Smith tinha 9 anos, testemunhou um terrível ato de violência do seu pai contra sua mãe Caroline Bright, que acabou mudando sua vida para sempre, conta o ator. Ele deu um soco na cabeça da companheira com tanta força, que ela caiu e, com dificuldades, cuspiu sangue. O artista explica que esse momento, provavelmente mais do que qualquer outro, fez dele quem é hoje.


Segundo Smith, o trauma daquele momento impactou negativamente sua vida e carreira, inclusive tudo que fez e conquistou a partir dali (prêmios, elogios, holofotes e atenção) vinha acompanhado de pedidos de desculpas à mãe por não ter conseguido enfrentar o pai naquele dia, sentindo-se “covarde” por isso.

Ele explica que o que as pessoas enxergam como “Will Smith”, o aniquilador de alienígenas, MC e estrela de cinema, é apenas uma construção cuidadosamente elaborada para se proteger e esconder de todos o “covarde”. A relação dos pais durou até a adolescência do ator –  separaram-se em 2000.

Mesmo mantendo uma relação bem próxima com o pai, Will Smith conta que a raiva originada naquele incidente da infância acabou voltando à tona décadas depois, quando cuidava de  William, que tinha câncer. Em uma noite, enquanto empurrava seu pai delicadamente até o banheiro, sentiu uma escuridão surgir dentro de si mesmo.

O caminho que faziam passava pelo topo da escada, e tudo o que tinha prometido na infância, de um dia vingar sua mãe, poderia ter se materializado naquela ocasião. Por muitos anos, explica o ator, ele pensou que quando fosse grande o suficiente, forte o suficiente e não mais covarde, mataria o pai.


3 3 Will Smith revela que uma vez ja considerou matar seu pai para vingar abusos sofridos pela mae

Direitos autorais: reprodução Instagram/@willsmith.

Will Smith conta que se lembra de ter pensado realmente em matar o pai naquela noite, chegando a fazer uma pausa no topo da escada, sabendo que poderia empurrá-lo para baixo e sair ileso facilmente. Nesse momento de conflito interno, enquanto as várias décadas de dor, ressentimento e raiva faziam movimentos semelhantes aos das ondas, indo e voltando, ele apenas balançou a cabeça e continuou empurrando a cadeira de rodas até o banheiro.

Para ele, no fim das contas, não importa o quanto as pessoas nos amam, só vamos ganhar “o Sorriso” com base no quanto as amamos. O pai de Will Smith morreu em 2016. Ele explica que seu relacionamento turbulento lhe ensinou a encontrar a verdadeira realização.


Professora morou 2 anos em barraca por não ter dinheiro para viver: “Meus alunos nunca souberam”

Artigo Anterior

Estes 3 signos sabem perdoar até os seus inimigos. Têm um bom coração!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.