publicidade

5 frases prejudiciais que dizemos a nossos filhos:

O que você está ensinando a seus filhos através de seu comportamento?

Abaixo estão cinco frases comuns que a maioria dos pais diz a seus filhos, e porque devem parar:



1. “Você está me deixando louca (o)”

Isto é provavelmente verdade quase todos os dias. No entanto, existem muitas coisas verdadeiras que não precisamos contar aos nossos filhos. Dizer a seu filho que ele está te deixando louco ou irritado ensina-o que ele é responsável ​​pelo comportamento dos outros. Isso é injusto. Em vez disso, dê um exemplo de controle emocional. Tente uma declaração como “Mamãe/Papai está com dificuldades para manter a calma, então vou levar algum tempo para me acalmar.”


2. “Porque eu estou mandando!”

Esta declaração, mais claramente do que qualquer outra, exige um senso de obediência cega quando se trata de autoridade. Ela desencoraja a resolução de problemas, pensamento livre, e até mesmo o simples desejo de entender as regras. Queremos incentivar a curiosidade intelectual em nossos filhos – e não destruí-la. Mostre aos seus filhos que eles merecem uma explicação para os comportamentos que devem ter. Valorize sua curiosidade. Incentive-os a pensarem de forma crítica..


3. “Pare de chorar agora!”

Esta frase nunca, na história do choro, ajudou a resolver o problema. Ela só serve para adicionar uma sensação de medo e pânico a uma situação já difícil. Pense nisso: quando foi a última vez que você ouviu um adulto dizer “Eu estava realmente chateada, mas meu marido gritou para eu parar de chorar, e me senti muito melhor”? Chorar em si não é um comportamento ruim.



4. “A vida é assim.”

Muitas vezes recorremos a esta frase quando não temos mais nada a oferecer. Sabemos que a situação está errado ou injusta. Sabemos que os nossos filhos são prejudicados por ela. Infelizmente, não há nada que possamos fazer. Esta frase é um fácil recurso, mas não faz nada para ajudar nossos filhos a lidarem com suas decepções. Na verdade, ele os ensina a simplesmente aceitar os piores aspectos da vida – mesmo que os achem inaceitáveis. Em vez disso, use palavras que carregam mais sabedoria.

Se possível, encontre uma maneira de tomar medidas contra o problema em si. Ensine seus filhos que eles são poderosos – não impotentes.


5.”Você está exagerando. Pare de ser tão sensível. “

Isto diz a nossas crianças que seus sentimentos não importam. Também desencoraja elas de mostrarem empatia para com os outros, quando estão chateados. Quando dizemos a eles que estão errados por serem emocionais, os ensinamos que sentir emoções é um sinal de fraqueza. Esta frase os ensina a desvalorizar a expressão emocional dos outros e interiorizar suas próprias emoções. Em vez disso, precisamos ensinar nossos filhos a respeitarem as emoções dos outros, e compreenderem os seus próprios sentimentos, para lidar com eles de forma responsável.


Seja o tipo de pai que você gostaria de ter. Seja o tipo de adulto que você quer que seus filhos se tornem.

Não há problema em cometer erros – somos apenas humanos – mas não persista nos mesmos erros.

_________

Traduzido pela equipe de O Segredo Fonte: I Heart Intelligence

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.