Comportamento

Durante voo, homem pega violão e começa a tocar músicas religiosas. Incomodou muitos passageiros!

Reprodução Instagram / @jackjenszjr_
capafacebook Durante voo homem pega violao e comeca a tocar musicas religiosas Incomodou muitos passageiros

Os passageiros, que esperavam um voo tranquilo, foram surpreendidos!

Os voos são propícios para descansar, assistir a um filme, ler ou apenas curtir a paisagem tranquilamente. Mas esses planos podem ser frustrados por causa de um ou outro passageiro.

Se você é do tipo de passageiro que não gosta de ser incomodado, prefere ficar no seu canto a viagem toda, provavelmente iria se estressar muito na situação que contaremos a seguir.

Um vídeo viral nas redes sociais mostra um passageiro tocando músicas religiosas a milhares de pés. Sempre sorridente, canta hinos e consegue cativar vários passageiros, assim começa um verdadeiro musical dentro da aeronave.

Segundo informações do News18, a filmagem foi feita em um voo supostamente com destino à Alemanha. Mas apesar de muitos passageiros entrarem no clima descontraído, alguns parecem ter se incomodado com o momento musical.

Em seu perfil no Instagram, Jack Jensz Jr, o homem que gravou e compartilhou o vídeo, escreveu a seguinte legenda: “Adorando nosso Rei Jesus a 30.000 pés de altura!

De acordo com sua bio no Instagram, Jack é criador do grupo cristão “Kingdom Realm Ministries”.

Assista abaixo:

Como alguns detalhes sobre a natureza do voo estão faltando, é possível pensar que os passageiros faziam parte de uma congregação religiosa cristã, o que normalizaria a situação. No entanto, outras podem interpretar, especialmente pela reação de um dos passageiros, que o músico apenas teve a iniciativa de “musicalizar” o voo, o que foi visto como exagero.

Nas redes sociais, a filmagem viralizou, e muitos não se mostraram nada confortáveis com a situação, alguns até disseram que abriram a saída de emergência. Internautas mais radicais disseram: “Parece mais o inferno do que o céu”, inclusive para um deles, situações como essa fortalecem o seu ateísmo.

Outro usuário da rede, também revoltado, disparou: “Seria preciso tudo em mim para não quebrar essa guitarra”, seguido por quem pediu equilíbrio nessas manifestações: “Eu temo que esta não seja uma maneira perfeita de espalhar o Evangelho para aqueles que querem um voo tranquilo e pacífico… difícil encontrar um equilíbrio.

No entanto, nem tudo foram críticas. Alguns parecerem compreender a intenção do músico, ainda que talvez a escolha do lugar não tenha sido a melhor. “Acho incrível ver o Senhor louvado e adorado em todos os momentos, em todos os lugares. Para mim, isso é incrível e maravilhoso”, escreveu alguém, que foi apoiado: “Concordo com você! Acho legal que o voo tenha permitido que cantassem e louvassem”.

Essa é uma situação polêmica, pois divide opiniões para muito além de questões religiosas, levando-nos a pensar de temos direito de defender e compartilhar nossas crenças com qualquer pessoa, em qualquer lugar.

Vários vivem o mesmo dilema todos os dias no transporte coletivo, por exemplo. Não é incomum nos depararmos com espécies de “cultos” nos ônibus e trens, com várias pessoas compartilhando sua fé em voz alta, não dando a muitos o direito de simplesmente não ouvir.

O mesmo acontece quando colocamos músicas altas nesses ambientes, sem considerar se as demais pessoas gostam do mesmo estilo ou se estão cansadas, com dor de cabeça, entre outros fatores.

Ainda que se trate de uma atitude simples, todas essas dimensões devem ser analisadas na hora de montarmos uma opinião.