ColunistasGratidão

Gratidão: um sentimento capaz de elevar a sua frequência e mudar a sua realidade!

gratidããoo

“Gratidão é um exercício. Um sentimento capaz de elevar a sua frequência e mudar a  sua realidade.” – Paula Corrall



Um ano depois de ter escrito essa frase, aprendi muito mais sobre gratidão. Ela é uma lei universal, e o ideal seria que vivêssemos nesse estado. Por quê?

Porque essa é a linguagem que o Todo entende. Quando entramos nessa vibração, com sentimento verdadeiro, entramos no fluxo da abundância e da prosperidade.

Mais uma vez venho falar sobre mudanças de hábitos. Pare de reclamar, e em vez disso, acrescente gratidão. Perceba a lição por trás de cada acontecimento. Aquiete-se, medite e verá que tudo o que nos acontece tem uma razão para ser.


Quando entendemos isso, vemos que temos muito mais a agradecer do que reclamar. Entendam… quanto mais alta estiver nossa frequência energética, mais atrairemos coisas boas e quanto mais baixa, mais coisas ruins.

Além de elevar a frequência, quando estamos em estado de gratidão, podemos usufruir do poder do agora, trazendo a nós mesmos para o momento presente e devolvendo-nos nossa presença, o foco e percebemos que temos escolhas, que podemos mudar nossa realidade.

É urgente que mudemos nossa consciência e para isso dê o primeiro passo… conheça a si mesmo!

Você consegue perceber quando é você no comando e não a sua mente?


Demorei anos para entender que eu não era o que pensava. Não perca tempo, ouça sua intuição. Dê espaço para o ser!

E assim, pouco a pouco você verá sua vida transformada, e entenderá que podemos tudo. E ainda que haja limitações, sempre poderemos contar com o Todo e suas infinitas possibilidades.

Não é de hoje que os grandes mestres da humanidade falam sobre a gratidão… muitos ensinamentos ficaram adormecidos, cabe a nós despertá-los.

Comece cuidando de você. Pratique! Mas faça com sentimento, sinta seu coração! Não confunda gratidão com obrigação!


5 sinais de que você está em um relacionamento espiritualmente íntimo:

Artigo Anterior

Siga à procura de portos que sejam reais!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.