Comportamento

Influenciadora é cancelada por fazer unhas de gel em filha recém-nascida

Capa Influenciadora e cancelada apos fazer unhas de gel em filha recem nascida
Comente!

Depois que a imagem viralizou, mais fotos de bebês com unhas feitas começaram a surgir. Mais pessoas fazem esse tipo de procedimento estético nos pequenos e pequenas

A foto de um recém-nascido com unhas compridas e pontudas se tornou viral, pois as pessoas demonstraram sua preocupação com as “garras” de centímetros, que podem ser incrivelmente perigosas, mesmo quando usadas por adultos, que dirá por crianças tão pequenas.

Um usuário de mídia social, cuja localização é desconhecida, foi atacado por compartilhar uma foto no Facebook mostrando o polegar de uma mulher segurando a mãozinha de um bebê. A criança parece ter recebido um trabalho de manicure, com unhas postiças compridas.

Postando a imagem, que desde então viralizou nas mais diversas redes, a mulher na publicação original se gabou, dizendo que poderia fazer as unhas dos bebês de quem tivesse interesse em seu trabalho. Ela disse ainda na postagem que cobrava barato pelo serviço e que bastava lhe mandar uma mensagem para agendar um horário.

Alguns usuários de mídia social foram rápidos em apontar os perigos das unhas afiadas da criança. Uma mulher comentou que as unhas da foto eram muito afiadas para um bebê usar e que jamais equiparia sua filha com “garras”, pois seria muito perigoso.

As fotos mostram uma mulher segurando a mão de um recém-nascido, que parece ter usado vários modelos, com longas unhas postiças presas às suas mãozinhas. As unhas da imagem parecem ser pontiagudas, semelhantes aos estilos de unhas de acrílico usadas por mulheres adultas.

A mãe que postou a imagem original mostrou suas habilidades em aperfeiçoar o formato stiletto, como é conhecido esse modelo de unha mais afiada e alongada que o normal.

O estranho anúncio foi compartilhado até mesmo no Reddit, uma rede social onde pessoas compartilham relatos pessoais, indignando outros pais, apontando quão perigosa a tendência pode ser.

Uma pessoa comentou que a recomendação é de que as unhas do bebê sejam mantidas curtas para evitar que se machuque, logo ela disse que fazer alongamento e afiar as unhas do bebê seria uma idiotice.

Outro internauta, um pai, escreveu que achou a tendência altamente perigosa, pois os bebês muitas vezes se cutucam nos olhos ou no rosto e, mesmo sem unhas, deixam marcas de arranhões, logo as unhas longas poderiam representar um risco muito grande para os pequenos.

A onda de cancelamento contra a mulher que postou as unhas de gel no bebê não parou! Uma pessoa disse que até poderia entender uma pessoa querer pintar a unha de um bebê, até porque já existem esmaltes criados com uma fórmula específica para crianças, mas a escolha de fazer extensões e afiar as unhas de uma criança parecia apenas uma receita para o desastre. A pessoa finalizou dizendo que, se a mãe quisesse tanto assim essa tendência nas mãos da filha ou do filho, que pelo menos esperasse a criança crescer um pouco mais.

Outro internauta ficou chocado com as imagens e disse que não ficaria surpreso se a criança com as unhas de gel já tivesse se machucado ou os outros de forma bem grave, pois seu irmão caçula também era um bebê, e mesmo com as unhas curtas, como é o recomendado, vivia arranhando a si mesmo e os outros.

Um internauta foi além em sua preocupação e disse que bastaria uma coceira no olho com essas unhas para cegar a criança para sempre.

No entanto, alguns usuários nas redes sociais sugeriram que as unhas foram todas feitas com Photoshop, ou seja, existe uma grande suspeita de quem as imagens não são reais!

Não é a primeira vez que essa estranha tendência se torna viral, uma imagem de uma criança com unhas afiadas já chamou a atenção das manchetes. Também naquela época, alguns usuários de redes sociais foram rápidos em apontar os perigos das unhas afiadas da criança.

Comente!

Seus filhos levantaram voo. Agora se dedique a viver sua vida

Artigo Anterior

Will Smith conta como foi rejeitado por Karyn Parsons, a Hillary de “Um Maluco no Pedaço”

Próximo artigo