ColunistasMulheres

Já dizia arthur schopenhauer: a mulher é um efeito deslumbrante da natureza!

A mulher é um efeito deslumbrante da natureza

Não quero falar das mulheres sorridentes, bonitinhas, lindas, maquiadas, poderosas. Quero falar das mulheres que possuem centenas de atributos, mas que, muitas vezes, você aí se esquece, você simplesmente ignora.



Não quero escrever coisas bonitinhas sobre o quanto as mulheres são essenciais nesse mundo que a cada dia me parece tão duro e cruel, não quero dizer sobre suas almas encantadoras, que cativam e encantam o que toca e as tocam.

Não quero falar das mulheres sorridentes, bonitinhas, lindas, maquiadas, poderosas. Quero falar das mulheres que possuem centenas de atributos, mas que, muitas vezes, você aí se esquece, você simplesmente ignora. Essas mulheres que você aí já separou como “Mulher para curtir e mulher para casar”.

Quero falar das mulheres que merecem e devem ser conquistadas (caso queiram) e não puxadas pelo braço em alguma festa ou nas ruas, sendo obrigada a estar com alguém que elas não queiram.


Quero falar das mulheres que desejam ter voz, que desejam ter poder, que querem fazer o que têm vontade.

Quero falar das mulheres que ainda são oprimidas, que ainda são julgadas pela roupa, por suas atitudes, pela sua opinião, simplesmente por ser mulher.

Esse dia 8 de março, é importante para lembrarmos que nós mulheres precisamos ter voz ativa em nossa sociedade, que, ok, podemos, sim, ter subido várias escadas nessa luta, mas ainda temos longos caminhos pela frente, nós ainda sofremos diversos preconceitos e privações.

Buscamos o dia em que seremos tratadas realmente como iguais e aí poderemos comemorar de verdade.


Por ora, só nos resta abrir os olhos de todo mundo que finge não notar o que acontece no mundo, que prefere não saber. Que prefere não saber que milhares de mulheres são agredidas ao longo da vida e que tais mulheres não estão muito longe da gente, que pode ser sua colega de sala, sua professora, sua vizinha, uma prima, sua irmã ou sua mãe. Pode ser que aconteça aí, com você.

E a violência acontece por mil e um motivos, e o principal, porque ainda vivemos numa sociedade que dita que a mulher está abaixo do homem.

Conquistamos já muitas coisas, mas falta muita coisa ainda, porque ainda não chegamos perto de equilibrar nossa sociedade, para que ela seja totalmente igual e justa. O caminho é longo, difícil, temos mil barreiras e estereótipos para quebrar.

O meu pedido é: jamais se calem para nada! Vocês são fortes, são maravilhosas, têm poder em suas mãos. Só basta vocês acreditarem que vocês, mulheres, que NÓS, mulheres, somos muito mais do que dizem, do que acham, do que simplesmente subestimam.



Direitos autorais da imagem de capa:  Seth Macey on Unsplash


Ser mulher em tempos de guerra…

Artigo Anterior

11 dicas que você precisa saber para ser a mulher que você quer ser!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.