Aprenda a se comunicar e seja claro!



Aprenda a se comunicar, a demonstrar e seja claro!

A maior parte dos problemas entre as pessoas se dá devido a um fator muito simples, mas extremamente comum, a falha na comunicação. Uma das grandes diferenças entre o ser humano e os outros animais é a grande quantidade de ferramentas que possuímos para nos comunicar.

As palavras que você diz representam apenas 7% da comunicação e compõe o que chamamos de comunicação verbal, os outros 93% representam a comunicação não verbal, sendo que 38% dessas mensagens não verbais estão no seu tom de voz, e os outros 55%, ou seja, mais da metade estão presentes na sua linguagem corporal. Dessa forma podemos parar pra pensar quantas coisas dizemos ao outro sem nem mesmo percebermos, mas acredite, a outra pessoa percebe, pois o cérebro dela é capaz de interpretar essas mensagens de comunicação não verbal.

Os problemas começam exatamente aí, quando temos diversas formas de comunicação à distância, por exemplo: WhatsApp, Facebook, e outras ferramentas de interação social. Dessa forma nos resumimos a utilizar apenas 7% de todas as ferramentas de comunicação, fazendo o uso apenas das palavras.

Então o nosso cérebro se ocupa em criar através das suas experiências passadas os outros 93% da comunicação e preencher essa lacuna, sabe quando você lê um livro e imagina a aparência do personagem ou seu modo de agir em determinado momento, ou mesmo o cenário em questão?

É a mesma coisa. O seu cérebro vai criar esse cenário de interação interpessoal seja por uma carinha (emoticon) que você envia junto com a mensagem, pela forma que você descreve sua risada, ou por situações passadas onde a pessoa que enviou a mensagem utilizou determinado tom de voz ou linguagem corporal em um momento de comunicação face a face.

Isso não se resume apenas a comunicação à distância, mas também a nível pessoal, quando existe uma situação onde a comunicação não é eficaz. Porque a comunicação é uma via de mão dupla, você precisa sim se preocupar com a mensagem que você está enviando, mas também precisa se preocupar com a mensagem que o outro está recebendo. Por que eu digo isso? Porque a outra pessoa não tem como adivinhar o que está acontecendo. Quantas vezes você teve problemas porque entendeu algo da maneira errada ou mesmo porque entenderam da maneira errada algo que você disse? É exatamente aqui que mora essa situação.

Então precisamos aprender a nos comunicar, precisamos entender que a comunicação é a mais poderosa ferramenta para uma interação social saudável, quando você aprende a se comunicar se preocupando tanto com a mensagem enviada, quanto com a forma com que ela foi recebida, muitos dos seus problemas serão resolvidos.

A outra pessoa não tem como adivinhar que você está estressado, bravo, feliz, triste, eufórico, ela simplesmente não tem ferramentas pra isso, até porque muitas vezes nossa comunicação não é honesta, falamos uma coisa com palavras e outra completamente oposta através da nossa linguagem não verbal. É aquele momento em que você diz que está tudo bem, mas seu corpo e sua voz entregam que não está nada bem, e o cérebro da outra pessoa entra em conflito: “Opa! Ele disse uma coisa, mas ao mesmo tempo disse outra”, então sempre se pergunte: Eu estou sendo honesto na minha comunicação? Porque a sua linguagem não verbal será honesta por você, é aí que os conflitos surgem.



Segundo fator muito importante é aprender a demonstrar, a intenção contida na sua comunicação é de extrema importância, quando você diz ou faz algo, qual é sua intenção naquela situação? Então, se não podemos esperar que as pessoas adivinhem o que queremos dizer, podemos esperar que adivinhem o que queremos demonstrar ou quais nossas intenções? Claro que não!

Se você sente algo, aprenda a dizer e ser verdadeiro! Aprenda a demonstrar isso, pois mesmo que suas palavras não digam, em algum momento a linguagem não verbal dirá por você. Então se você gosta de alguém, não espere que a pessoa adivinhe isso, ou se sente saudades, ou se está bravo por determinado motivo, se você se sente feliz ou triste com alguém ou com alguma situação, aprenda a expressar isso! Ninguém tem bola de cristal para ler seus pensamentos e analisar quais são seus sentimentos, ou seus motivos para fazer determinada coisa.

Essa nossa forma de agir, esperando que o outro adivinhe ou mesmo ocultando nossos sentimentos e intenções, é um ato nutrido por um medo infantil de não demonstrar o que se sente, pois somos ensinados que nossos sentimentos são nossas fraquezas, mas na realidade eles se tornam fraquezas exatamente porque lutamos contra eles, ao invés de acolhê-los, compreendê-los e aprender com eles. Então por favor, não esperem que as pessoas adivinhem o que você sente ou pensa, e passe a demonstrar, pois perdemos muitas oportunidades na vida e nos afastamos de muitas pessoas que seriam importantes, exatamente porque deixamos para demonstrar nossos sentimentos ou intenções tarde demais.

No fim a regra mais simples da comunicação eficaz é: Seja claro.

Não se dê ao luxo de dar mensagens pela metade, porque isso dá a outra pessoa o direito de preencher o restante desta mensagem da forma que ela quiser, e ela nunca saberá o que você realmente quis dizer ou demonstrar. A comunicação deve ser direta e eficaz, ficar enrolando e esperando que as pessoas “capturem magicamente” o significado da mensagem é o que fazemos muitas vezes e o que nos causa muitos problemas desnecessários.






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.