ColunistasComportamento

Chega um momento que é preciso dar o grito de independência emocional!

CHEGA UM MOMENTO QUE É PRECISO DAR O GRITO DE INDEPENDÊNCIA EMOCIONAL

Chega um momento em que é preciso desprender-se. Desprender-se daquele apego que em nada leva sua vida pra frente. Desprender-se de quem te maltrata a alma e nunca lhe deu nada em troca a não ser ingratidão.



Chega um momento em que é preciso colorir muros, pintar paredes, rabiscar as coisas que você almeja a giz ou em letras garrafais e como um mantra, atrair para si coisas boas, atrair dias melhores e pessoas especiais.

Sim elas existem. Elas te merecem assim como você as merece, pois você tem que aprender o caminho da felicidade.

Você tem que limpar seus chacras e pôr um fim naquilo que não dá mais.


Chega um momento que é hora de repaginar os sonhos, e dar um viço melhor a sua própria alma.

Aquele momento em que você se arruma de dentro pra fora e mostra a si mesmo que consegue refletir luz e serenidade sem se esforçar pra agradar ninguém.

Todo esse sofrimento que um dia ficou acumulado merece sair pela porta da frente, merece sair pra nunca mais voltar.

É assim que você precisa imaginar e fazer acontecer.


Não existe vitória sem batalha, não existe cura sem que se busque uma saída para seus problemas.

Um dia você vai olhar pra trás, vai dar uma espiadinha e ver que foi melhor andar pra frente, vai ver que você acordou pra vida, pras coisas espirituais que regem teu destino.

Vai ver que um segundo de gratidão e um amém abençoado por Deus, te protegerá pelo resto do dia. Que teu sorriso é a moldura mais bonita do teu rosto e que você não deve abandoná-lo em alguma esquina fria e vazia.

Chega um momento em que é preciso dar o grito de independência emocional e se fazer valer de seus direitos como ser humano.


Cafona é rotular as pessoas de cafona!

Artigo Anterior

Desculpe minha mãe, mas ser sozinho para mim é uma conquista, não um fracasso!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.