publicidade

Depois de maus-tratos, cãozinho é adotado e nova família o ajuda a aprender a amar!

Ainda filhote, Walt foi adotado por sua nova dona, que percebeu instantaneamente que ele não sabia o que era receber carinho nem ser amado. Ganhar sua confiança foi um longo processo.



Sempre falamos sobre abandono de animais, sobre a tristeza e a indiferença de quem faz isso, enfatizando o sofrimento e a tortura por que os animais passam. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima em cerca de 200 milhões o número de animais abandonados no mundo, sendo que, no Brasil, aproximadamente, 30 milhões estão nas ruas.

Os números são altos e envolvem variáveis distintas, como falta de recursos, ausência de controle de fertilidade, poucas leis que defendam os direitos dos animais, entre outros.

Fato é que o abandono é desesperador: cães e gatos, principalmente, não têm perspectivas de receber alimento, ficam expostos ao sol e à chuva, não têm onde dormir e ainda correm riscos de sofrer com a violência das ruas.

Sem o cuidado adequado, esses pequenos indefesos ficam também suscetíveis a diversas doenças, como leishmaniose, doença-do-carrapato, entre outras.

Como se não bastasse, estão completamente sozinhos, não recebem amor nem sequer um olhar piedoso.


Com apenas um ano, o filhote Walt foi adotado por uma amorosa família, ganhando uma segunda chance.

Kelly Fitzsimons, sua nova dona, resgatou-o no “Wicklow Animal Welfare”, uma organização irlandesa que acolhe animais abandonados. O cãozinho estava extremamente fragilizado e seu estado emocional, profundamente abalado.


Direitos autorais: reprodução TikTok/@kellyfitzsimons__.

Mesmo assim, Kelly decidiu se empenhar em passar toda a confiança que pudesse ao novo membro da família. Além de muito atenciosa, ela também queria lhe mostrar como era se sentir amado de verdade, como era a sensação de receber carinho, de ser querido e, finalmente, feliz! O desenvolvimento do pequeno foi sendo gravado por ela, que depois compartilhou em seu perfil do TikTok. O vídeo teve mais de 2 milhões de visualizações.

 

@kellyfitzsimons__We adopted a dog! Welcome to the family Walt ❤️❤️❤️ ##adoptdontshop ##adoptingdogs ##rescuedog ##dog ##doggo ##youcantbuylovebutyoucanrescueit ##rescuedog

♬ Home – Edith Whiskers

Desde o primeiro dia, quando Kelly o colocou dentro do carro para levá-lo para casa, já era possível ver a tristeza de Walt transbordando. Tudo o que ele viveu antes ainda estava ali, aflorando, demonstrando que ele nunca soube o que era ter um lar.

Com muita paciência, sua nova dona começou a colher os frutos do esforço, cerca de um mês depois, quando Walt começou a dar sinais de que começava a gostar de sua nova rotina.

Era quase um milagre. Quando o cãozinho chegou, ele ficava encolhido pelos cantos, não fazia contato visual com ninguém, sentava de frente para as paredes e se movia o mínimo possível.

Direitos autorais: reprodução TikTok/@kellyfitzsimons__.

Com o passar do tempo, e após doses cavalares de amor, ele foi descobrindo o que era ser amado. Ganhou um grande companheiro, outro cãozinho da casa, descobriu o que era ganhar colo e afagos, começou a passear e encontrou companheirismo.

Kelly sabe que ainda tem um longo caminho pela frente com Walt, mas já sabe também que a única coisa que ele tem dentro de si é amor. Ele passou a abanar o rabo, a confiar nos humanos, encontrou conforto em seu melhor amigo e é muito bem-vindo em sua nova casa.

Direitos autorais: reprodução TikTok/@kellyfitzsimons__.

Walt realmente merece o melhor.

Compartilhe sua linda história nas suas redes sociais e comente abaixo o que achou.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.