Animais

Durante quatro dias, cãozinho esperou por dono que cometeu suicídio saltando de uma ponte

Assim que as imagens foram postadas nas redes sociais, milhares de pessoas se solidarizaram com o cachorrinho, que aguardava na ponte o momento em que seu dono apareceria.



Muitas pessoas não acreditam, ou nem sequer param para pensar sobre o assunto, mas os animais são tão capazes de amar quanto os humanos, ou mais. A intensidade é a mesma e talvez a devoção e a lealdade sejam ainda maiores.

Enquanto algumas pessoas estão preocupadas com a aparência ou só estreitam laços em busca de benefício próprio, os cachorros se importam de verdade com o próximo.

Quando amam, são capazes de dar o seu melhor, é o amor que os move, junto com a vontade de estar perto da pessoa querida. Para os cães, não existe relação por interesse, não existem aparências, eles são capazes de enxergar com o coração, de desvendar qualquer sentimento do dono antes mesmo que ele saiba identificá-lo.


Segundo reportagem do Daily Mail, um cão leal passou quatro dias esperando, em uma ponte, o seu dono retornar.

Os relatos das pessoas que acompanharam o caso, na China, mostram que o cuidador do animal cometeu suicídio saltando daquela ponte, e o pobre cachorro presenciou o momento, mas permaneceu ao lado da grade durante todo esse tempo.

Sempre que tentavam resgatá-lo, ele fugia e retornava ao exato local onde estava, junto à grade. O fiel animal de estimação estava sentado na calçada da ponte Yangtze, em Wuhan, de onde seu dono teria se atirado. O vídeo e as fotos do cachorro comoveram as pessoas nas redes sociais, que não acreditavam no tamanho do amor daquele animal.


Direitos autorais: reprodução/arquivo pessoal.

As fotos foram tiradas por um morador local, conhecido pelo sobrenome Xu, que percebeu que o cachorro seguia por dias esperando o dono no mesmo lugar. A principal intenção do senhor era levá-lo para sua casa, mas assim que tentou pegá-lo, ele fugiu, mostrando mais uma vez que ele se recusava a sair dali sem o seu dono.

Direitos autorais: reprodução/arquivo pessoal.


O diretor da Associação de Proteção de Pequenos Animais de Wuhan, Du Fan, deparou-se com a postagem de Xu nas redes sociais e decidiu começar a procurar o animal, junto com voluntários da região.

Foi pedido que os oficiais da ponte checassem o que exatamente havia acontecido na noite do suicídio, já que estava muito escuro e as imagens gravadas pelas câmeras de segurança não revelavam quase nada.

A única coisa que conseguiram ver foi que o dono do cãozinho saltou imediatamente. Tanto o senhor Du quanto os demais voluntários estão em busca do animal, que não foi mais visto naquela localidade. Os profissionais acham triste um bichinho vagar pelas ruas sozinho e esperam encontrar um novo dono para ele.


A devoção e lealdade do cachorro comoveram a todos, que expressaram quão triste era aquela situação.

Comente abaixo e compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais.


Garoto de 12 anos salva irmãos de ataque de pit bulls, é saudado como herói e ganha R$200 mil

Artigo Anterior

Pessoas invejosas só apontam seus defeitos para se sentir em paz com os próprios fracassos!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.