3min. de leitura

Equilíbrio na espiritualidade: não existe espiritualidade sem sensibilidade

A sensibilidade ao Espírito se torna possível quando fixamos os olhos, escutamos com atenção e aceitamos, para então andarmos em PERFEITO EQUILÍBRIO na COMPANHIA de ALGUÉM MAIOR que nós.


Desta forma, conseguiremos viver em plena e constante paz e alegria! Tudo que o ser humano mais almeja e merece viver. 

Não existe verdadeira vida sem paz e alegria. O reino eterno é paz, alegria e justiça. As coisas do alto e eternas, são sentimentos, por isso não as vemos.

Uma passagem de um livro muito antigo e respeitado há milênios diz: “O justo vive pela fé.”

Albert Einstein disse certa vez: “A imaginação é mais importante que o conhecimento” e “A lógica vai levar você de A a B. A imaginação vai levar você para qualquer lugar.” Estou certa de que Einstein falava sobre fé. Pois a fé é ILIMITADA.


Tudo que revolucionou a humanidade partiu da fé (ou imaginação).

Esta criatividade que nos liga a uma Força maior, pois vem dEle, só flui em nós de maneira pura, por meio de: OBSERVAÇÃO, AUDIÇÃO, ACEITAÇÃO, RETIDÃO e BOAS COMPANHIAS.


Mas, o que observar, ouvir e aceitar?

OBSERVAR a natureza e seu perfeito funcionamento.

OUVIR a voz de Quem criou toda a existência.

ACEITAR o que Ele criou, do jeito que Ele fez, da maneira que se manifestarem, pois há um propósito em absolutamente tudo no Universo.

Andar em RETIDÃO, com os OLHOS FIXOS no seu principal OBJETIVO, que é o nosso PROPÓSITO de vida. Afinal, nascemos para algo muito além desta terra, vivemos para amar as pessoas!

E por fim, estar sempre em BOAS COMPANHIAS.

Constantemente imitamos, querendo ou não querendo, as pessoas com quem andamos e dividimos nossa vida. Contudo, servir é a melhor maneira de amar.

Portanto, faz-se necessário e muito bem a nosso ser interior, ajudar aos necessitados, carentes e oprimidos.

O amor é o caminho da paz e a trilha da alegria. 


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF Imagens.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.