A mágoa é um sentimento devastador que nos consome e nos adoece…

4min. de leitura

Toda vez que que nos desiludimos e decepcionamos com quem quer se seja, ficamos remoendo o que ouvimos incansavelmente, dia e noite, durantes horas e talvez meses a fio.



Ficamos nos perguntando do por que não respondemos as ofensas à altura, por que não nos defendemos como devia, enfim, nossa mente fica povoada de por que isso e por que aquilo e não conseguimos fazer mais nada tentando achar motivos para a chateação causada em nosso coração e alma.

Pois é, o coração fica dilacerado, dolorido ao extremo e a alma sangrando e quase adormecida por tanta injustiça. E a essa sucessão de enfermidades que parecem não ter cura certa e que nos deixam a mercê do desengano damos o nome de MÁGOA.

a-magoa


A Mágoa é um sentimento vil e devastador. Ele nos consome pelas bordas, sutil e silenciosamente. Amarga tudo por onde passa, deixando seu gosto ruim e indigesto.

Não permite que se vá nem pra frente e nem permite recuo, estagna cruelmente. Tira a vontade de sorrisos largos e de conversas animadas e promissoras. Aquela pizza de muzzarela na casa dos amigos nem pensar, fome zero.

Quem gosta mesmo da inércia causada pela mágoa é o sofá que fica quentinho durante horas incessantes. As olheiras também agradecem e a insônia bate palmas ensurdecedoras, para mais uma noite perdida.


Parece engraçado, só que não!

Quando nos deixamos consumir por este sentimento estamos deixando as portas abertas para outras mazelas do corpo e da alma e permitindo que nossa alto estima saia. Nos maltratamos incondicionalmente. Deixamos de acreditar nas pessoas e em nós mesmos.

As mágoas mal resolvidas deixam buracos, lacunas e adoecem.

Óbvio, vocês vão dizer que é fácil falar, mas quando se passa na pele temos o dever de dizer que “vai passar”. Porque ainda que seja tão ruim, a mágoa como qualquer outro sentimento que machuca, também ensina e fortalece.

E vai passar sim, assim que decidimos que não merecemos esse sofrimento e que o perdão faz parte do curativo. E não, não é tão simples… claro que depende do quanto estamos dispostos a crescer e seguir adiante.

Perdoar a quem nos feriu e a nós mesmos é um trabalho de formiga, mas cria alicerce. Fortalece o coração, a vida e o espírito. Nos evolui e nos torna seres humanos melhores.

Portanto, certamente de uma próxima vez saberemos responder ou não, mas será uma decisão nossa, sem grilos, sem neuras e a bola fica no pé de quem iniciou a partida.

Nossa Fé fica fortalecida e com Ela nossa confiança, coragem, maturidade e sabedoria.

Não permitam que ninguém se sinta no direito de absolutamente nada. O direito de um termina quando se inicia o direito do outro.
Se você estiver errado se desculpe e se o outro estiver errado perdoe. Tudo é uma conquista, nada é fácil mas tenham certeza de que tudo é possível.

a-magoa-01

Felicidade depende de nós. Sejam felizes. Perdoem e se desprendam de tudo que não lhes faz bem.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.