ColunistasRelacionamentos

Para viver um amor é necessário fazer tudo para isso!

PARA VIVER UM AMOR É NECESSÁRIO FAZER TUDO PARA ISSO

A virada do ano passou e fico me perguntando quantas pessoas vestiram vermelho na busca de que o novo ano traga a renovação e o novo amor que ainda lhes falta? Mas quantas dessas pessoas estão disponíveis para viver esse amor? Quantas dessas pessoas estão dispostas a fazerem tudo para que o amor seja construído? Não basta vestir vermelho, não basta estar apaixonado, não basta dizer que ama, há que se ter um coração livre para se entregar. Sem entrega, ninguém viverá um amor.



É preciso arrumar tempo para amar, mudar a rotina para quem chega, acolher o universo do outro, mostrar o seu, ser flexível, tolerar as diferenças, mas sobretudo colocar essa pessoa como a prioridade entre todas as outras da sua vida. Se a pessoa que está na sua vida não te coloca como prioridade, desconfie dos seus sentimentos e perceba que talvez, não haja amor e talvez nunca irá existir.

Viver um amor exige dedicação, dá trabalho e nesse mundo tecnológico e acelerado em que estamos vivendo, as pessoas estão querendo cada dia mais amores prontos, sem que a construção do amor, não fosse a parte mais bonita da obra, não fizesse com que ele se tornasse o melhor de nós. Cada tijolo que construímos no amor com nosso empenho, passa a ter um valor ainda maior dentro da gente. Como diz o Pequeno Príncipe: “Foi o tempo que dedicaste à tua rosa que a fez tão importante”.

Mas como dedicar tempo ao outro, se estamos cada vez mais sem tempo até para nós mesmos? As pessoas estão se acostumando com as distâncias, suprindo horas de afeto, por longas conversas por mensagem ou de áudio, na crença que estão construindo um amor, quando na verdade estão preenchendo os vazios do seus momentos de solidão.


Para viver um amor é preciso estar junto, é preciso conhecer o outro, acordar ao lado, sem a maquiagem, na pureza da alma, da cara lavada de quem está ali por inteiro e quer estar todos os dias. Não tem vontade de ir embora, não fica preso na rotina e acha tempo para um fugida no meio da semana. Foge do Natal em família para ter umas horas de Natal com quem se ama e ainda não frequenta o nosso âmbito familiar, manda um carro buscar o seu amor para não pegar estrada sozinho pra passar o ano novo junto e faz da sua chegada os verdadeiros fogos de artifício.

Para viver um amor é preciso entrega, dedicação e tempo, se não houver nenhuma dessas premissas estarás vivendo apenas o momento, nada além disso.

Sedutores compulsivos…

Artigo Anterior

Nada do que você fizer estará bom para muitas pessoas…

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.