Comportamento

10 verdades sobre pessoas gentis, mas que sofrem de ansiedade:

10 verdades sobre pessoas

Bondade e ansiedade são muitas vezes dois lados da mesma moeda. As dificuldades da vida oferecem uma lição de empatia, o que é ótimo, mas às vezes, também podem levar a uma vida de ansiedade incapacitante.



No entanto, o medo do que pode acontecer leva aos sentimentos de empatia. A sensibilidade das pessoas que sofrem de ansiedade às necessidades dos outros também significa que elas são algumas das pessoas mais gentis que você vai encontrar.

Aqui estão 10 verdades sobre pessoas que são muito gentis, mas sofrem de ansiedade:

1. Colocam os outros em primeiro lugar


Pessoas muito gentis estão constantemente preocupadas em cuidar de outras pessoas, muitas vezes à custa de suas próprias necessidades. Cuidar apenas de suas próprias necessidades seria, em sua perspectiva, egoísta.


2. Elas são muito perspicazes

Não se preocupe em tentar esconder suas emoções dessas pessoas. Elas podem sentir que algo está acontecendo. Por que não se abrir para elas? Sua empatia serve ao propósito de ajudar as pessoas com seus problemas.



3. Seu comportamento “pegajoso” vem do medo do abandono

Se você estiver em um relacionamento com alguém que é demasiado amável e ansioso, não tenha medo desse comportamento. Ele vai desaparecer à medida que a confiança da pessoa em você aumentar. Uma vez que ela se sentir segura com você, você ficará surpreso com quanto amor ela pode lhe dar. Resista a seu comportamento pegajoso, no entanto, e ele se tornará mais forte.



4. Elas não vão tentar te culpar por tudo

Se essa pessoa te confronta sobre algo, isso significa que ela está genuinamente chateada com isso. Ela precisou de muita coragem para trazer o assunto a tona, e ela valoriza seu relacionamento o suficiente para fazê-lo. Considere um elogio!


5. Elas ficarão em um encontro ruim por horas


Fazer isso é mais fácil do que ser honesto e correr o risco de ferir sentimentos. Isso também significa, infelizmente, que elas não são boas em términos, e às vezes deixam um relacionamento continuar sem sentimentos recíprocos.


6. Fazer planos com as pessoas é um pesadelo para elas

Isso vai além da ansiedade associada a reuniões sociais. É o planejamento do encontro em si. Mesmo que não sejam elas as planejadoras, essas pessoas não querem que decisões finais sejam tomadas a menos que todos estejam felizes.



7. Elas vão sair de seus caminhos para evitar ferir você ou qualquer outra pessoa

Mais uma vez, às vezes isso acontecerá às custas de seu próprio autocuidado. Elas também se esforçam para ajudar pessoas que nunca retribuirão o favor.



8. Às vezes, elas se abstém de expressar suas opiniões

Pessoas excessivamente amáveis ​​e ansiosas estão acostumadas a concordar plenamente – mesmo que não concordem. Expressar sua própria opinião implora um foco indesejado, e isso pode perturbar outros em seu grupo.


9. A preocupação é interminável


E como tal, o uso da lógica não fará muito para consolá-las. Sim, elas sabem que em algum nível seus medos não são razoáveis, mas esse fato não as fará sentir a emoção de forma menos intensa.


10. Elas perdoam facilmente e frequentemente

Guiadas pelas emoções, as pessoas que são muito gentis e ansiosas irão facilmente admitir seus erros e serão quase sempre as primeiras a se desculpar. Elas não querem deixar outras pessoas desconfortáveis, então sempre oferecerão perdão. Mas não tire proveito disso – embora elas possam te perdoar uma e outra vez, aprenderão que você não é digno de confiança. Isso remove um pedaço de honestidade do relacionamento. Sua abundância de perdão é um privilégio – use com moderação.


____

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: David Wolfe

Quando eu parei de ter medo de cometer erros, comecei a viver uma vida melhor!

Artigo Anterior

Self coaching: a importância da inteligência emocional para a liderança

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.