3min. de leitura

A PROFECIA DA ÁGUIA E DO CONDOR

A Águia e o Condor é uma antiga profecia que fala das sociedades humanas dividindo-se em dois caminhos – o da Águia, e o do Condor. O caminho do Condor é o caminho do coração, da intuição e do feminino. O caminho da Águia é o caminho da mente, do industrial e do masculino.


Ela afirma que as sociedades humanas se dividiram e tomariam caminhos diferentes: o do Condor (representando o coração, intuitivo e místico) e o da Águia (representando o cérebro, racional e material). Em 1490, segundo a profecia, os dois caminhos convergiriam e a Águia levaria o Condor à beira da extinção. Então, quinhentos anos depois, na década de 1990, uma nova época iria começar, aquela em que o Condor e a Águia teriam a oportunidade de se reunir e voarem juntas no mesmo céu, ao longo do mesmo caminho. Se o Condor e a Águia aceitassem esta oportunidade, criariam uma prole mais notável, diferente de qualquer outra vista antes.

“A Profecia da Águia e Condor” pode ser tomada em vários níveis – a interpretação padrão é que prediz a partilha de conhecimentos indígenas com as tecnologias da ciência, o equilíbrio do yin e yang, e a ponte de culturas norte e sul. No entanto, mais poderosa é a mensagem que oferece sobre a consciência; ela diz que entramos em uma época em que podemos nos beneficiar das mais diversas formas vendo a nós mesmos e o mundo, e que podemos usar isso como um trampolim para níveis mais elevados de consciência. Como seres humanos, podemos realmente acordar e evoluir para uma espécie mais consciente.

A profecia só fala do potencial, então depende de nós ativarmos este potencial e garantirmos o surgimento de uma nova consciência.


 

___


Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: Open Mind





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.