publicidade

Amar verdadeiramente requer gentileza e maturidade!

A paixão, o amor, a química  ou o simples desejo de estar junto não mantém uma relação.

Eles só são capazes de nos dar o impulso necessário para começar, para arriscar algo novo, para dar uma chance a aquele novo ser que surge em nossa vida.



No começo tudo parece possível, notamos as eventuais dificuldades que enfrentaremos para estar ao lado daquela pessoa que nos faz sentir algo que há muito não sentíamos e acreditamos que seremos capazes de superar tudo, para que esse novo amor cresça e fortaleça mais a cada dia.

E então nosso maravilhoso castelo dos sonhos que parece ter um futuro promissor e lindo começa a ruir… aos poucos, surge um buraco na parede, uma janela quebrada, um vazamento no banheiro da suíte. O que fazer agora?

Procuramos no diálogo uma forma de resolver as diferenças e desavenças, pelo menos eu creio que essa seja a melhor forma de se chegar a uma solução. Buscamos no outro a certeza de que estamos juntos na luta para manter nosso castelo de pé.


Eis que descobrimos que o outro não está tão convicto ou disposto a lutar ao nosso lado, que ele está mais preocupado em procurar um culpado pelo vazamento na suíte, acusar quem quebrou a janela e martirizar quem esburacou a parede.

Nem todas as pessoas têm maturidade e capacidade para cultivar o amor e isso, infelizmente, só aprendemos tentando.

Só se aprende a amar amando e, como qualquer aprendizado, acabamos errando; só que em se tratando de amor, acabamos ferindo os sentimentos de outra pessoa e pior ainda, de uma pessoa que nos ama e nos quer por perto.

E como fazer para cultivar o amor após ferir aquele coração?


Amando, pois quem ama verdadeiramente é capaz de abrir mão do orgulho, da vaidade e das próprias dores para cuidar das dores do outro.

Quem ama verdadeiramente não vai querer transformar seu lindo sorriso e brilho nos olhos em lágrimas e lábios trêmulos.

Quando amamos verdadeiramente e de todo coração somos capazes de coisas que jamais imaginaríamos fazer pelo outro.

Apenas lembre sempre: ame apenas o que for recíproco, amar sozinho é a pior de todas as escolhas.

________

Direitos autorais da imagem de capa: pixabay – StockSnap-894430

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.