Hoje escolho ser minha prioridade. Hoje escolho ser feliz!



Quantas vezes gastamos tempo com pessoas que não merecem um ” pingo” desse tempo?

Quantas vezes esperamos demais por pessoas que não correspondem às nossas necessidades?

Hoje acordei dizendo: Não mais. Hoje quero ser dona de mim!

É tão bom quando, finalmente, desapegamos daquilo que não nos acrescenta em nada, quando somos livres para ser, sem nenhum estereótipo, quando permitimos sermos nós mesmos, sem nos preocuparmos com opiniões externas.

Você já experimentou tirar um dia só para você?

Acordar de manhã, ir a uma feira ou ir à academia, ler seus livros preferidos, escutar suas músicas preferidas no volume máximo. Ou até mesmo ir a lugares que você nunca foi antes. Expor suas próprias opiniões, sem medo de opiniões externas, usar suas roupas preferidas, ou até mesmo ficar em casa, assistir ao ”netflix” comendo uma pipoca, na sua cama.

Não há regras para ser feliz. Não há regras para ser dono (a) de si. Não há regras. O importante é se libertar, e permitir ser você mesmo, todos os dias.

Muitos podem confundir essa ”liberdade” com falsa solidão. Mas eu posso afimar a você que solidão existe apenas para as pessoas que não se dão oportunidade de serem felizes sozinhas, sem necessitar de ninguém ao seu lado.

Pessoas solitárias, geralmente, são pessoas carentes e apegadas. São pessoas que não conseguem sentir prazer na sua própria companhia. Então, afirmo que é muito possível ser feliz sozinho. Há muitos benefícios para mente e saúde. Há privilégios em se conhecer melhor. Você aprende a não se apegar a ninguém, você aprende a deixar ir quem não quer ficar, você aprende a ser mais forte emocionalmente. Você aprende a ser dono (a) de si, a ser maduro (a).

Quando me dei conta em me colocar em primeiro lugar, muitas coisas boas surgiram, muitas oportunidades, conheci pessoas novas, fortaleci meu processo de interação social.



Aprendi a soltar quem não quis ficar. Aprendi a me colocar no lugar do outro ou a ser mais compreensiva. Aprendi a ser mais seletiva, em relacionamentos pessoais.

Aprendi a respeitar a opinião alheia. Esses são UM dos MUITOS privilégios que ganhei sendo dona de mim mesma.

Então, permita-se, autorize-se a ser quem você é, descubra-se, liberte-se. Há muita coisa ai dentro de você que está guardado, oprimido, escondido, e que lá fora, há pessoas que estão loucas para conhecer esse seu verdadeiro ” EU” . Portanto, seja seu maior presente!

Tenha autonomia, seja dono (a) do seu próprio nariz. Permita-se ser uma pessoa interessante, estude, trabalhe, seja independente, saiba conversar, curta sua própria companhia.

A beleza só ”importa” nos primeiros 15 minutos, depois, tem que ter algo a mais para oferecer.

E aí, você está pronto (a) para ser dono (a) de si? Em um mundo onde vivem de aparências, encantam-me aqueles que são eles mesmos. Vista-se de liberdade, borrife o perfume da autoestima e seja feliz!

____________

Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: janifest / 123RF Imagens






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.