4min. de leitura

Onde estão nossos anjos?

“Cada um possui, como Sócrates, um espírito acompanhante; sábios são aqueles que atendem seus sinais”.



Certamente muitas pessoas já ouviram falar dos Anjos e mais ainda do Anjo da Guarda e também quantas já não invocaram sua proteção?

Algumas pessoas afirmam que se não veem algo, então para elas não existe.

Eu prefiro crer a não crer e penso como a vida seria sem graça se não aceitássemos coisa alguma que não tivesse explicação.

Para aqueles que tem uma compreensão mais profunda da vida, tudo tem significado. Comece pensando nos espíritos mais elevados da natureza, nos anjos que iluminam os planos sutis e sintonize com eles.


Todos temos capacidade de sintonizar com os reinos angélicos, você só precisa se concentrar e deixar o amor fluir.

O mundo dos anjos é o mundo do amor, por isso a melhor forma de conexão com eles é o AMOR.

São Thomas de Aquino afirmou que os anjos são seres cujos corpos e essências, são formados de um tecido da chamada luz astral e que eles se comunicam com os homens através da egrégora, podendo inclusive, assumir formas físicas.


Nosso Anjo da Guarda pessoal está ao nosso lado desde o dia em que nascemos até o dia da nossa partida.

Entretanto, a infelicidade pode deixar o “Anjo” sem ação pois ele respeita as nossas escolhas e fica então esperando e mandando insights, até o instante em que deixamos de sofrer para que possa ocorrer uma transformação.

Estes insights, também conhecidos como “bilhetinhos cósmicos”, são ofertados pelos Anjos às pessoas e também às circunstâncias ao nosso redor, colocando setas no caminho mais propício ao nosso crescimento.

Podemos identificar cada “bilhetinho” naquele amigo que encontramos quando estamos precisando de uma palavrinha;

naquele incidente que impediu que circulássemos por aquele percurso mais arriscado; naquele livro que caiu nas nossas mãos trazendo exatamente o conteúdo para uma tomada de decisão mais sábia; naquele folheto de um seminário que alguém nos trouxe para uma sequência aos ensinamentos que estamos buscando; naquela ausência que nos fez reavaliar o quanto temos sido negligentes nos nossos compromissos; naquela dor cujo aprendizado foi de extrema importância para burilar nossa experiência espiritual…e tantos outros “avisos” que nem sempre damos a devida atenção!!!!

Entretanto, não podemos nos esquecer dos maiores “anjos” encarnados que temos… aquelas pessoas que estão sempre ao nosso lado atuando com amor incondicional, ajudando na nossa caminhada, ouvindo as nossas tristezas, comemorando as nossas alegrias e ofertando seu ombro e carinho sempre que precisamos.

Ouvi certa vez alguém dizer que somos anjos de uma só asa e que precisamos nos abraçar para alçar voo. E são exatamente estes anjos, nossos irmãos de alma e cúmplices de todos os momentos que precisamos para, abraçados, voar para onde quisermos.

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.