4min. de leitura

Professor carrega aluna com deficiência nas costas para ela não perder passeio da escola

A atitude de um professor norte-americano está deixando pessoas do mundo todo emocionadas!


Nós todos sabemos que os professores possuem um papel fundamental em nossa vida, eles são responsáveis por cultivar a semente do conhecimento em cada um de nós e incentivar-nos a buscar o crescimento e sucesso por meio de nossas habilidades, mas em alguns casos eles são muito mais do que mentores, tornam-se nossos amigos.

Alguns realmente levam a sua missão muito a sério, e continuam a fazer o melhor por seus alunos mesmo fora da sala de aula.

Este é o caso de Jim Freeman, professor do ensino fundamental da Tully Elementary School, em Kentucky, nos Estados Unidos.

Sua turma de alunos da quarta série estava em preparação para um passeio no Parque Estadual das Quedas D’Água de Ohio, uma atração muito desejada pelas crianças, no entanto, para uma delas, o momento era de lamento. Ryan Neighbor, 10 anos, nasceu com espinha bífida, uma malformação congênita caracterizada por um fechamento incompleto do tubo neural, e, por conta dessa condição, locomove-se apenas por meio de cadeira de rodas. Ela estava muito triste porque sabia que não conseguiria acompanhar o ritmo da turma e que provavelmente não poderia participar do passeio.


Esse tipo de situação é comum na vida da menina e sua mãe, Shelly King, que já estava preparando um dia especial em família para o dia do passeio na escola. No entanto, o que ela não esperava é que uma ajuda muito especial chegaria e mudaria o dia de sua filha. Ao saber da ausência de Ryan, Jim resolveu ajudar. Ele entrou em contato com a família e se ofereceu para carregar a aluna em suas costas durante toda a viagem. Shelly ficou feliz com a iniciativa e autorizou a participação de Ryan no passeio.

A menina foi carregada pelo professor em mochila especial para suportar o seu peso e pôde curtir o passeio ao lado de seus amigos.

Shelly publicou algumas fotos do momento em suas redes sociais e elas foram compartilhadas por milhares de pessoas.

“Somos muitíssimo abençoados por ter uma escola inteira tão compassiva e empática que nunca a faz sentir-se excluída”, escreveu a mãe na página do Facebook que gerencia, a Team Ryan.


Que atitude incrível do professor Jim! Graças a seu gesto de gentileza e inclusão, Ryan viveu um momento do qual ela poderia ter sido privada. Esse exemplo mostra-nos como todos podemos fazer algo bom para as pessoas ao nosso redor.

Que gestos como esse se multipliquem! Compartilhe esta linda atitude em suas redes sociais!

 

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos. Direitos autorais da imagem de capa: reprodução Facebook/Team Ryan.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.