Espiritualidade

Quem ama cuida e deixa viver feliz e livre!

3voceeciumenta

Há quem diga que ciúme é prova de amor.



Não creio.

Claro que, em um relacionamento amoroso, há certo cuidado em manter acesa a chama do interesse para que o amor “seja infinito enquanto dure”, como disse o poeta.

O que tenho observado é que o ciúme, quando em excesso, transforma a vida a dois em um inferno, acaba com o amor.


Se você está amando, quer construir uma relação duradoura e prazerosa, terá de aprender a dominar esse sentimento, pois ele é uma armadilha que vai atrair exatamente o que você teme.

Por isso, é bom perceber as várias causas que podem provocá-lo e libertar-se delas:

1- Falta de confiança em si mesmo(a).

2- Crenças adquiridas sobre a poligamia masculina, acreditando que todo homem trai.


Como-Evitar-Crise-de-Ciúmes-–-Dicas-Informações-1

3- Desavenças familiares vivenciadas na infância.

4- Mimo que exagera tudo.

O mimo faz você entrar no papel de “pobre de mim”, exigindo sempre que seu parceiro “prove” que a ama.


Mesmo que ele tenha paciência para isso, você nunca se sente satisfeita. Esse comportamento acaba com qualquer relacionamento.

É exaustivo, deprime e destrói o respeito.

Para que duas pessoas convivam em harmonia é preciso que haja respeito.

respeito


Ele é mais importante que o amor.

Quem diz que ama e não respeita o ser amado, não lhe dando espaço para que se expresse e cresça, provoca dois resultados: separação ou fingimento. Quem se sente pressionado usa a mentira para evitar brigas. Uma situação falsa nunca dá bons resultados.

É humilhante ter que dar explicações a todo instante, dizer aonde vai, viver sob a mira do relógio. Por outro lado, é muito agradável sair sem destino, sentir-se livre para poder fazer o que quiser, mesmo que não faça nada.

Nada substitui o prazer da liberdade.


Tolher esse espaço do companheiro sufoca, e um dia ele acaba deixando você.

Além disso, o ciúme é uma porta aberta para a obsessão de espíritos perturbadores que se aproveitam de sua fraqueza, projetando em sua mente cenas de traição que você “vê”. Também, quando você dorme, eles levam seu espírito e lhe mostram os “clichês astrais” que eles criaram, onde seu parceiro está com outra. Eles agem assim para dominá-la e sugar suas energias para manterem-se ligados ao mundo material do qual não querem se afastar. Se você lhes der crédito e os alimentar, acabará atraindo à sua vida exatamente o que teme.

As cenas que vê se materializarão em sua vida!

ciume (1)


Tente mudar. Procure um bom psicólogo, com o qual se identifique.

Peça ajuda espiritual, faça tratamento para eliminar as “formas pensamentos”

que criou e que estão presentes e atuando em sua mente com energias perturbadoras.

Reaja. Faça sua parte!


Ao sentir ciúme, não tente controlá-lo. Reconheça que é ciumenta e que seu ciúme é o que provoca os pensamentos de traição.

Eles não são verdadeiros! Você não tem fatos, só suposições.

Saia da ilusão!

A verdade é que seu parceiro está com você porque a ama.


Repita isso sempre. Acredite nele. Respeite- se, acredite-se capaz de ser amada!

Respeite seu companheiro dando-lhe espaço para progredir e fazer o que gosta.

3voceeciumenta

Quanto mais o deixar livre, mais ele se chegará a você.

Experimente e verá!

Zíbia Gasparetto

Repressão

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.