Lembre-se: você já sobreviveu a 100% dos seus piores dias!

O melhor está por vir, alguém ainda vai valorizá-lo, essa tempestade toda vai passar e você vai ser feliz. Comece se amando que o resto vem.

A gente passa por cada perrengue nessa vida. Quem nunca teve vontade de sumir, de desaparecer? Quem nunca quis que o tempo voltasse para consertar algum vacilo, alguma palavra mal lançada, alguma atitude de que se arrepende até hoje? Como diz Chico Buarque: “Tem dias que a gente se sente como quem partiu ou morreu”.

Tem dias em que o leite azeda, a carne queima, o ônibus atrasa, a enxurrada nos encharca. Tem dias em que entendem tudo errado, não ouvem o que a gente fala, o que a gente pede, o que a gente quer. Tem dias em que descontam na gente uma raiva que não é nossa, jogam na gente um lixo que não é nosso, passam por cima do nosso trabalho, do nosso sentimento, do nosso viver.

Tem dias em que a saudade chega e fica doendo lá dentro, em que a melancolia se aninha no nosso coração e de lá não sai de jeito nenhum.

Tem dias em que a gente discute com quem não devia, fala pesado com quem não merecia, passa por cima, sem enxergar, quem está ali torcendo verdadeiramente por nós. Tem dias em que tudo dá errado, em que nada vem para animar, em que o sorriso não sai nem por um segundo.

Tem dias em que a gente adoece, gente que amamos adoece e gente essencial vai embora. Tem dias em que as lágrimas parecem não dar conta do buraco de dentro do peito, do descompasso de nosso coração. Tem dias em que sonhos morrem, metas somem, planos caem por terra. Tem dias em que a esperança desaparece, em que a fé se esconde, em que a luz fica lá longe, bem longe, e a gente nem consegue enxergá-la.

Tem dias em que a gente escolhe errado, opta pelo que machuca, fere, diminui. Tem dias em que a gente se olha no espelho e não vê nada de bom, a gente se sente mal-amado, malvestido, mal vivido. Tem dias em que nada anima, nada parece ter cor, nada faz sentido. Tem dias em que a gente chora até com propaganda de margarina. Dias de luta, de fuga, de solidão, mesmo que acompanhados.

A vida é assim, de todo mundo. Ninguém sai falando dos próprios fantasmas por aí, mas todos os temos.

Todo mundo enfrenta lutas, todo mundo está caminhando faltando algum pedaço. Por isso é que não adianta ficar se comparando com o vizinho e se sentindo a pessoa mais infeliz desse mundo. Porque isso não é verdade. Você tem luz dentro de si, você tem forças para enfrentar, sim, afinal, você está vivo e seguindo a sua vida. Tem muito pela frente ainda, tem cor e felicidade esperando por você.

Se você chegou até aqui, você já sobreviveu ao pior até agora. Somos sobreviventes diários, de uma jornada única e especial. Ore, converse com um amigo, com um familiar, procure um profissional, mas mantenha centelhas de esperança dentro de si.

O melhor está por vir, alguém ainda vai valorizá-lo, essa tempestade toda vai passar e você vai ser feliz. Comece se amando que o resto vem. Assim seja!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF/alenkasm



Deixe seu comentário