publicidade

Uma simples analogia entre o filme “nasce uma estrela” e a constelação familiar

Quem nunca assistiu a um filme e ficou pensando nele por alguns dias? E quando tem música cativante e ela não sai da cabeça? Pois é, assim foi comigo há alguns dias quando assisti ao filme “Nasce uma Estrela”.



A música “Shallow” ressoou em mim e quando me distancio dela vem o Oscar e começa tudo de novo. Mas o que adoro nesse filme é a análise que podemos fazer com a constelação familiar.

Um filme lindo de se ver, ouvir e se encantar, mas principalmente um filme incrível de analisar como consteladora. Porque muitas questões que se apresentam em nossas vidas são claramente pelas leis estarem em desordem.

No filme “Nasce uma Estrela”, percebe-se as 3 leis da constelação: Hierarquia, Pertencimento e Equilíbrio, em desordem, tanto com a personagem Ally da Lady Gaga, que se envolve com o personagem Jackson de Bradley Cooper (que é alcoólatra, assim como seu pai), tanto quanto o personagem do Jackson.

E no decorrer do enredo, podemos observar essa desordem, mas também podemos nos encantar com a beleza das relações e a necessidade do equilíbrio entre elas.

Uma linda forma de harmonizar é honrar, assim como fez Bradley Cooper em sua vida. Há mais de 13 anos conseguiu superar sintomas (alcoolismo e drogas), dedicando-se ao personagem, honrando a doença e não a excluindo. Assim como o personagem também honrou seus antepassados retornando ao Arizona, sua terra natal.


Para os relacionamentos é muito importante reconhecer de onde seu parceiro vem, ver e reconhecer nele suas origens de lugar e de família.

Em muitas constelações que realizo, muitas dessas questões se apresentam, mostrando o quanto os problemas de relacionamento são questões que ainda vivenciamos com nossos pais e com as dores deles. Por isso, não estamos inteiros e disponíveis para um relacionamento dar “certo”.

O lindo das constelações é poder olhar para tudo isso que está oculto, trazer luz a essas questões e harmonizá-las, de acordo com as leis.

Há muitas questões que podemos analisar no filme, tanto de leis em ordem como em desordem, mas passaria detalhes do filme e muitos não gostam de Spoiler.


Se você já assistiu, conte-me o que achou e em quais leis percebeu desordem. Se não assistiu ainda, vale a pena. Assista e depois conte-me o que achou.


Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.